sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Just like a prayer...


     Eu sinto um aperto no peito, não sei é a falta de alguém... Ou de algo... Quando me pergunto o que há, só me vem uma resposta ecoando: NÃO SEI, NÃO SEI, Não sei, não sei... Quando não se sabe o que é, não se pode correr atrás pra conquistar o que te falta, então só resta um vazio que te corrói por dentro. Isso há de passar, sempre passou, por que não haveria de passar agora?

2 comentários:

Anônimo disse...

as vezes você já tem e não vê, as vezes não tem mas acha que tem, e as vezes, não sabe, não sabe e não sabe. mas passa sim, sempre passa. se não passa, encontra. você sempre encontrou respostas, por que não haveria de encontrar agora? só não tenha preguiça de procurar, muito menos tenha medo de descobrir.

@r_zanette

tamara furlan disse...

Eu li a parte do "nao sei" nesses tons, alto, baixo, mais baixo e mais baixo. DUIASODUOASDUOASDOSUO O vazio sempre passa, sempre volta, e assim vai, ate se descobrir o que faz falta, ou ate mesmo perceber que nao falta nada e esse nao é o "problema" ótimas palavras!

Postar um comentário